Ações do documento

PC Conectado e Livre

PC Conectado funcionará com sistema operacional baseado em software livre, ou seja, qualquer distribuição do GNU/Linux.


O governo federal anunciou no início da noite de ontem, dia 12/05, as linhas gerais que definem o PC Conectado, como é chamado um de seus principais programas de inclusão digital. Em entrevista coletiva à imprensa, o assessor especial do Presidente da República, Cezar Alvarez, afirmou que o preço máximo do equipamento não poderá ultrapassar R$ 1.400 (à vista) e funcionará com sistema operacional baseado em software livre, ou seja, qualquer distribuição do GNU/Linux.

A expectativa, no entanto, é que o preço do PC Conectado fique bem abaixo desse limite já que o governo deixará de cobrar o PIS/COFINS (Programa de Integração Social/Contribuição para o Financiamento da Seguridade Social) na venda para o consumidor final. Isso deverá representar uma queda potencial de 9,5% do custo do equipamento. Essa isenção de tributos vale também para qualquer outro desktop (computadores de mesa), desde que custe até R$ 2.500. A intenção de ampliar o benefício, segundo Alvarez, é combater o chamado mercado “cinza” (computadores pessoais montados com peças contrabandeadas).

Mas quem adquirir o PC Conectado terá garantido outras vantagens, como suporte técnico de 1 ano e um microcrédito especial de R$ 1.200 deverá ser aprovado com recursos do FAT (Fundo de Amparo ao Trabalhador), por meio de um Projeto de Lei que será encaminhado para o Congresso Nacional pelo presidente Lula em caráter de urgência. A liberação dos recursos do FAT também depende de uma reunião do conselho do Fundo.

Já os varejistas que decidirem comercializar o computador “rodando” software livre deverão ter uma linha de financiamento concedida pelo BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social) com base na Taxa de Juros de Longo Prazo, a TJLP. O financiamento para o consumidor final dependerá do próprio varejista. "Os juros deverão variar entre 1% e 4,5%, dependendo da negociação do vendedor com o cliente. O vendedor fará a prestação final ao consumidor", afirma Alvarez, acrescentando que deverá ficar em torno de R$ 65.

Alvarez, que coordenou o grupo de técnicos do governo que viabilizaram os estudos sobre o programa, anunciou, também que os provedores de internet assumiram o compromisso de oferecer aos usuários do PC Conectado um pacote de 15 horas de acesso à internet (por meio de linha discada) que custará R$ 7,50 (com impostos). A especificação do PC Conectado anunciada ontem é de um equipamento com processador de 1.5 Ghz, memória RAM de 128 Mb, disco rígido de 40 Gb, fax modem de 56 Kbps, placas de rede, som e vídeo (on board), monitor de 15 polegadas, teclado e mouse. Entre os aplicativos, estão sistema operacional baseado em distribuição GNU/Linux, editor de texto, planilha eletrônica, softwares de apresentação, navegador de internet, antivírus, entre outros, contabilizando 26 aplicativos todos em software livre.
ipv6
 
SoftwarePublico
 
Serpro
 
 
 

Impulsionado pelo Plone

Este site está em conformidade com os seguintes padrões: