Ações do documento

Lula defende o uso de software livre

“A utilização de plataformas abertas e livres reduz custos e permite a construção de um ambiente digital seguro e favorável à troca de experiências e conhecimentos", afirmou Lula.

A declaração do presidente da República ocorreu durante a visita à União Internacional de Telecomunicações (UIT), em Genebra. Na ocasião, Luiz Inácio Lula da Silva defendeu que o "software livre é essencial para a construção de uma sociedade da informação inclusiva, centrada na pessoa e voltada para o desenvolvimento".

O presidente ressaltou que os programas brasileiros de inclusão digital e de governo eletrônico se baseiam em plataformas livres e abertas, por considerar a melhor opção para o desenvolvimento tecnológico e social do país.

O software livre possibilita ao governo a oportunidade de trabalhar em rede, acelerar o processo de desenvolvimento de TIC no país, apresenta significativa redução de custos, possibilitando maior investimento em recursos humanos e inteligência nacional.

Lula reafirmou a determinação do governo em solucionar o problema da inclusão digital no Brasil, destacou alguns dos programas em operação no Lula defendeu a necessidade de programas de inclusão digital para que todos, independente de classes sociais, possam exercer sua cidadania. "O acesso às tecnologias deve extrapolar a dimensão de infraestrutura de comunicações. Os cidadãos devem estar capacitados a utilizar essas tecnologias de maneira interativa e crítica. É assim que vamos promover a cidadania e a diversidade cultural na sociedade do conhecimento", analisou.

Durante a reunião, o presidente ainda ressaltou a importância da segurança na rede, defendeu a governança da internet e determinou que a cooperação é o ponto chave para garantir a segurança na internet. Na ocasião, Lula recebeu o Prêmio Mundial das Telecomunicações e Sociedade da Informação. "Vejo esse prêmio como resultado do esforço do Governo brasileiro para promover a inclusão digital e um espaço virtual democrático e seguro, sobretudo para nossas crianças e adolescentes", concluiu.

O Brasil é membro da União Internacional de Telecomunicações, desde 1877, data em que a UIT foi criada para padronizar o telégrafo.

Conheça o discurso do presidente, na íntegra (http://www.consegi.gov.br/2009/blog), ou assista o vídeo de seu pronunciamento (http://www.itu.int/wtisd/2009/award/laureates/lula-address.html).

ipv6
 
SoftwarePublico
 
Serpro
 
Portal Brasil
 
 

Impulsionado pelo Plone

Este site está em conformidade com os seguintes padrões: